terça-feira, 12 de junho de 2012

Lembranças de um Grande Amor que não acabou...


Lembro das nossas longas conversas ao telefone
As vezes mesmo sem ter o que falar 
só queria ter o prazer de lhe ouvir... 
contar como foi seu dia

Lembro das risadas e gargalhadas 
mesmo as piadas
 não tendo tanta graça
o mais legal era o fato de quem as contava

Lembro que nem sempre era engraçado
Também teve dias problemáticos
seja assuntos bons ou ruins
o importante era à ouvir

Lembro de dias no trabalho,
quando o tempo era curto
ainda assim tinha tempo pra pensar nela...
nem com muito stress conseguia esquece-lá...

Lembro da vez que ficamos uns dias sem falar...
foram dias dificilíssimos
aconteceu de tudo
E mesmo distante pegamos a mesma doença.

Lembro das noites que aceitava ela como amiga
sempre disposto a ouvir e ajuda-lá
enquanto o meu coração
criava em mim uma confusão
 por esconder o quanto a amava

Lembro que quando pensei em desistir
porque achava que nunca iria gostar de mim assim...
então ela com um jeitinho meigo que mi conquistou
me surpreendeu com seu segredo, que era o mesmo que o meu

Lembro que foi algo tão puro e sincero 
Que parecia um lindo sonho de amor.
existiu por uns instantes vergonha e timidez
Foi algo tão lindo parecia a primeira vez

Lembro que mesmo separados por uma distancia
Isso não abalava a nossa confiança
sabíamos que um dia estaríamos juntos
e que iriamos rir disso tudo

Lembro da primeira vez que a encontrei
Ela era mais linda do que imaginei
pois seu caráter mi conquistou 
então nunca mi importei em saber do seu rosto

Lembro que foram dias de muita alegria
sim também tivemos pequenas brigas
afinal isso não é um conto de fadas
e sim uma historia sensata

Lembro que todas as vezes que ouvia a sua voz...
eu me sentia seguro
eu tinha certeza que poderia vencer tudo 
pois além de Deus, ela sempre estava comigo

Lembro que foi difícil acreditar
que não vivia um sonho 
mas que finalmente tinha alguém
pra mi amar

Lembro que no primeiro dia lhe dei uma aliança
simbolo do meu compromisso, amor e confiança
até porque não via minha vida sem sua presença


Lembro como eu amava a maneira que mi olhava
Seus lindos olhos brilhando como uma estrela
E um lindo sorriso acompanhava
 mesmo as vezes sem falar nada.

Lembro a cada dia dos seus conselhos
palavras sabias que mi faziam crescer.
Sem ter medo...
ela sempre falava o que eu devia ou não fazer

Lembro que as vezes a saudade dela...
Era tanta que escorria pelo olhos sem perceber
e aquilo mesmo sem aparentar mi entristecia 
pois não tinha muito o que fazer...


Lembro dos dias em eu que sorria
apenas para fingir estar bem...
mas a ligação entre nós era tão grande
que somente com ela eu mi abria


Lembro dos dias que queria estar com ela
mas devido a falta de tempo e a distancia
não poderia acontecer 
e meus braços ficavam vazios sem você...

Lembro que ao chegar ao fim... 
perdi um pedaço de mim
chorei, sofri, sem saber o que fiz...

Lembro que nunca pensávamos no fim
mas si isso acontecesse seriamos ao menos amigos
e o que machuca mais, é não ter nem isso...

Apenas as lembranças é o que mi restou
desse Grande Amor
meu Deus será que foi assim 
que o Senhor planejou ?

Sigo o meu caminho
ainda sem entender
porque pra mim
esse amor não acabou...

by Nelsinho.   

Obs; Essa poesia (historia) foi baseada em fatos reais...




Nenhum comentário:

Postar um comentário